22 de setembro de 2010

Resenha - Os 13 Porquês de Jay Asher

 
Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra na porta de casa um misterioso pacote com seu nome. Dentro, ele descobre várias fitas cassetes. O garoto ouve as gravações e se dá conta de que elas foram feitas por Hannah Baker - uma colega de classe e antiga paquera -, que cometeu suicídio duas semanas atrás. Nas fitas, Hannah explica que existem treze motivos que a levaram à decisão de se matar. Clay é um desses motivos. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.





 
 
 
~*~



Todos sabem que o número 13 pode representar muitas coisas. Pode ser o número do azar, mas ainda há pessoas que o consideram como número da sorte. Dizem que as sextas-feiras 13 de qualquer mês são dia do azar. Mas como 13 porquês/13 motivos podem ser a causa da morte de uma garota? É o que a gente descobre no livro Os 13 Porquês de Jay Asher.

O livro começa com Clay Jensen enviando o pacote de fitas para o nome seguinte da lista de Hannah Baker, a garota morta. Quando ele as recebe, não faz a mínima idéia do porque recebeu aquelas fitas, e porque foi considerado um dos 13 motivos da morte de Hannah. Nenhum deles sabe. Os segredos de sua morte deveriam ser enterrados com ela, afinal, pra quê revelá-los, sendo que nada mais poderia ser feito?

Aos poucos Clay vai descobrindo mais sobre a Hannah que ele gostava, aquela que não era exatamente como ele imaginava. Aquela que talvez pudesse vir a gostar dele, quem sabe.

É difícil até contar um pouco da história, pois cada capítulo é uma fita, um motivo, e é bem fácil soltar algum spoiler, coisa que eu não quero fazer. Posso dizer que a história me tocou. Jay Asher escreveu uma ótima história, fez com que eu me emocionasse muito, e me fez pensar sobre como pequenos atos podem mudar a vida de muita gente. Atos que, pra gente, podem ser inofensivos, mas que podem vir a acarretar na morte de alguém. Ele me mostrou, com esse livro, como devemos pensar nas coisas que fazemos e dizemos às pessoas, pois não sabemos como isso as fazem sentir. Clay jamais soube como Hannah sentia-se, até que foi tarde demais.

13 fitas. 13 motivos. 13 pessoas. 13 vidas totalmente modificadas. 13 vidas que podiam ter salvado uma.

4 comentários:

Mellory Ferraz disse...

Dizem que é tenso mesmo esse livro! Vi no blog NatPuga que tem um blog do livro que disponibiliza as fitas da menina http://www.hannahsreasons.blogspot.com/ o_o Não sei se teria coragem de ler esse livro, é muito tenso pro meu gosto HAHAHA E tenho certeza absoluta que não teria coragem de ouvir as fitas.
xx

Liv disse...

Quero ler esse livro! Parece ser tenso mesmo, mas interessante. :)

:*

Manuella Senna disse...

Eu quero ler também. *.* Parece intenso e interessante mesmo \o

Lari Caldieri disse...

É muito bom, leiam sim! *-* e depois me contem o que acharam!