1 de junho de 2011

Resenha - Estátuas de Sal de André Cardinali

"Quem são as Estátuas de Sal? Dez anos depois que Deus destruiu São Paulo por conta dos pecados de seus habitantes, a pergunta ainda rodeia a cabeça de Alice, principalmente agora que seu pai foi encontrado morto, com suspeitas de suicídio. Em busca de respostas, a jovem inicia uma investigação que a levará até as ruínas proibidas da antiga metrópole. Uma viagem sem retorno e que revelará muito mais do que ela procurava a princípio. Uma viagem em busca do sentido da vida."













~*~



São Paulo sofreu uma terrível destruição por conta dos pecados de seus habitantes. A cidade toda sofreu por conta de alguns. E isso aconteceu há dez anos, mas faz com que a personagem Alice ainda se pergunte o porquê disso tudo. E porquê toda sua família sofreu com isso. Por que seu pai e sua mãe foram mortos.  

Alice, que sempre fora uma pessoa pacífica e serena, está num momento depressivo em seu apartamento quando decide buscar por respostas. Ela não sai de casa há uma semana, pediu demissão do trabalho, ninguém sabe sobre ela, e tudo que ela quer é ficar sozinha com seus pensamentos confusos.

Em uma busca por respostas, e pra salvar a própria vida, Alice se vê num emaranhado de mistérios e descobertas, tentando entender onde está a verdade naquilo tudo. Tentando entender porque Deus destruiu uma cidade daquele jeito. 

Ao se ler sobre São Paulo destruída, me deu um certo aperto no peito. É algo difícil de se imaginar, por isso o livro é tão maravilhoso. Me propôs momentos que seriam difíceis de se imaginar, e até difíceis de acreditar. Os cenários são escrito com uma riqueza de detalhes, que chega a ser surpreendente. Você realmente se sente no meio daquilo tudo.

O livro tem um final um tanto misterioso, mas segundo o próprio autor, nem ele tem as respostas para tudo. Seu objetivo não era revelar as respostas de todas as perguntas feitas ao longo do livro, até porque elas não existem, mas sim criar novas perguntas para o questionamento da vida. Acima de tudo, é um livro que te faz pensar e querer ler tudo de novo cada vez que chega na última página.

E agora falando do André... ele é um fofo! Quando o conheci na Bienal de SJC, em abril desse ano, ele foi um amor autografando meu livro e conversando um pouco sobre assuntos aleatórios. Gostei muito de conhecê-lo! Leiam o livro, galerinha! Aliás, leiam todos os livros que estão surgindo desses autores brasileiros. Vocês se surpreenderão, podem apostar!! :D

3 comentários:

PamFardin disse...

aai.. já pensou São Paulo destruída... Deve ser emocionante esse livro.. Acho uma boa pedida!

Abraços!
Pam Fardin
aritmeticadasletras.blogspot.com

Karine Marinho disse...

Quem é vivo sempre aparece, né?! hihi.
Adorei a resenha, já tinha lido a sinopse desse livro, mas havia me esquecido dele. Já tô colocando ele na wishlist. Adoro livros que tenham lugares que eu conheço que eu já passei torna o livro mais real. :D *--*
Acho que é uma das coisas que eu mais gosto nos livros brasileiros. São lugares tão perto de miim.
Beijos,K.
Girl Spoiled

Natália Maia disse...

Parece interessante! Deve ser legal ler se você vive em São Paulo! E bem mais emocionante! Adorei a resenha, o livro parece ser muito bom!
Natália Maia - viciadasemlivros.wordpress.com